Classificação do Conteúdo

Nossa Classificação: 99.88% - 72 votos

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Avaliação 4.33 (3 Votos)

Em consonância com as recentes tendências de saúde e fitness, um entusiasta de saúde e fitness espera que os restaurantes ou a indústria da hospitalidade acompanhem o ritmo e incluam ingredientes nos seus menus e, para os clientes mais exigentes, uma contagem de calorias. Agora, enquanto isso pode atrair aqueles que estão assistindo seu peso, seja através de dieta ou exercício, pode não ser benéfico para todos. Há algumas pessoas que ficam tão presas ao peso que tendem a negar-se a nutrição de que seu corpo precisa. Eles também se tornam obcecados com a contagem de calorias a um grau que tem um efeito negativo sobre seus corpos e sua saúde mental. Fornecer as calorias para as refeições também tem um bom lado. Ajudará os comensais a evitar a obesidade comendo uma dieta equilibrada entre outros transtornos alimentares. Estar consciente da comida que consumimos é sempre uma boa idéia quando se trata de manter uma dieta equilibrada e peso saudável. Não é realmente sobre quem é gordo ou magro. É mais importante focar em níveis saudáveis ​​de açúcar no sangue e consumir gorduras boas e colesterol, em vez de gorduras trans e sobrecarga de carboidratos.

Não deve ser obrigatório que todos os restaurantes tenham calorias em seus cardápios. Para alguns clientes, isso os coloca fora e eles preferem ir e comer em um lugar que faz mais para se concentrar em comida deliciosa e um serviço ao cliente agradável do que a dieta. Existem algumas pessoas que investem mais na manutenção de diários alimentares e na contagem de suas calorias, em uma tentativa de mantê-los em ótima saúde. A chave está em conhecer seus clientes e entender o que eles valorizam.

Se a sua clientela preferir ser informada sobre o seu menu em detalhes, então é algo a considerar. Para eles, agrega valor tornando o serviço conveniente e acessível. É através dos detalhes em seus menus, em vez de pesquisar quantas calorias cada item da placa representa. É mais fácil ler o menu e obter todas as informações desejadas. De acordo com a lei, os restaurantes devem ser obrigados a esclarecer seus ingredientes, para não induzir em erro seus clientes, que podem ser alérgicos ou restritos por sua religião. No caso de as informações serem intencionalmente ocultas, o cliente pode até processar os danos causados. Seja emocionalmente, mentalmente ou fisicamente. Para aqueles que são alérgicos a certas substâncias, é importante tornar os ingredientes conhecidos, ou evitar qualquer sofrimento para o cliente, se for possível. Isso inclui ter um bom ambiente e aderir aos padrões de higiene necessários para a preparação e instalação dos alimentos em que está sendo preparado.

Veja também: Melhores serviços de redação acadêmica

Além disso, os menus devem atualizar constantemente seus menus para refletir as alterações em suas porções. Isso evitará desprazer com os clientes quando eles fizerem um pedido de um prato que não esteja mais sendo servido. Mais ainda, um menu geralmente tem quatro categorias. Isso imediatamente permite que o cliente saiba o que está servindo. Um menu americano típico tem a seção de aperitivos, juntamente com pedidos de lado e, em seguida, as entradas, sobremesas e bebidas. O menu lateral inclui as porções extras e ofertas especiais para os clientes escolherem.

Um menu que inclui a opção a la carte refere-se a itens como sopas, saladas e molhos. Sempre que um restaurante que não faz seus pratos claros é aquele que é de baixo desempenho. Para estar entre os melhores restaurantes de alto nível, não é apenas importante manter-se atualizado sobre as tendências de marketing, mas estar em contato com sua clientela. Isso estabelecerá a lealdade do cliente por meio da satisfação. Em conclusão, os requisitos dos menus em um restaurante não devem incluir calorias, a menos que seus clientes prefiram isso ou seja feito a pedido.

Oferta Especial!
Use CUPOM: UREKA15 para diminuir o 15.0%.

Todos os novos pedidos em:

Escrever, reescrever e editar

Encomende Agora